HomeCidadesCabreúvaCabreúva terá universidade estadual. De graça

Cabreúva terá universidade estadual. De graça

Além de Cabreúva, Vinhedo e Morungaba terão polos da Universidade Virtual do Estado de São Paulo

O projeto é ousado – a implantação de uma universidade estadual, onde alunos não pagam mensalidades, em 63 cidades (polos) do Estado de São Paulo. No total, mais de dez mil vagas para cursos de Engenharia de Produção, Engenharia de Computação, Licenciatura em Matemática e Pedagogia.
Cabreúva saiu na frente – na semana passada, o ex-prefeito de Itupeva Ricardo Bocalon, que é o diretor da Universidade Virtual do Estado de São Paulo (Univesp), reuniu-se com o prefeito Henrique Martin, que decidiu pela implantação de um polo na cidade. A Prefeitura vai pagar o aluguel do prédio, o Estado entra com o resto.
Além de Cabreúva, Bocalon também está levando a Univesp também para Morungaba e Vinhedo. “É uma forma que o Governo do Estado encontrou de facilitar o acesso de todos ao ensino superior”, afirma Bocalon.
As inscrições para os vestibulares estão abertas desde segunda-feira (12) e vão até 10 de julho. As provas serão no dia 23, e as aulas começam no dia 21 de agosto. Não há limite de idade. Os cursos são gratuitos – só a inscrição custa R$ 48.
A professora Maria Alice Carraturi, presidente da Univesp, explica que a universidade, em parceria com as outras instituições públicas de ensino superior do Estado de São Paulo (USP, Unesp, Unicamp e Centro Paula Souza) oferece aos alunos cursos com altíssimo nível de excelência. “A EAD tem a agilidade para responder rapidamente as demandas da sociedade em constante transformação”, afirma.

Comentários